Justiça de Parintins julga acusado de matar industriário

Justiça de Parintins julga acusado de matar industriário Foto: Fernando Cardoso Notícia do dia 04/12/2017

Ainda não encerrou o julgamento do réu Jonas Lima dos Reis, 18, acusado de matar cum uma facada nas costas, o industriário César Albuquerque Yoshi, 24, que trabalhava numa fábrica no Japão e estava de férias em Parintins.

 

A vítima foi assassinada no dia 16 de janeiro de 2017, no Bairro Santa Rita. Durante a fase de instrução no julgamento, quatro testemunhas relataram o que sabiam sobre o crime ocorrido por volta das 14h.

 

Uma delas citou que o acusado e outras pessoas não identificadas estariam fazendo o uso de drogas em frente da casa do irmão da vítima, sendo que foram mandados se retirar do local e não teriam gostado do gesto, ocasião que o réu teria dito que o “industriário naquele dia iria para o sal”.

 

Segundo depoimento na delegacia, o réu teria confundido a vítima com outra pessoa. O Ministério Público atua na acusação do réu através da promotora Carolina Monteiro Chagas Maia.

 

A defesa está por conta da Defensoria Pública do Estado (DPE), através da defensora Luise Torres de Araújo Lima. O juiz Fábio César Olintho preside a sessão de julgamento do Tribunal do Júri Popular.

 

Fernando Cardoso | Repórter Parintins

Serviços Repórter Parintins fevereiro 2018