Leilão do patrimônio dos bumbás deixa o parintinense indignado

Leilão do patrimônio dos bumbás deixa o parintinense indignado Foto: Arquivo Familiar Notícia do dia 26/07/2020

Por: Affonso Rodrigues*

 

Onde se anda na Ilha Tupinambarana, o papo de esquina é sobre a venda da "Cidade Garantido" e alguns galpões arrematados no último dia 24 em Leilão virtual pelo Grupo de Saúde privada SAMEL.

 

O torcedor do Caprichoso tá rindo pra não chorar, lá pelas bandas do Zeca Xibelão o martelo também já vai bater.

 

Anos de luta pra conseguir erguer o maior Festival a céu aberto do planeta, os Bumbás de Parintins são apunhalados pelas costas por gestões desastrosas levando os Bois à falência e, consequentemente, a derrocada do Festival.

 

Diretorias (ou Grupos Políticos) levaram a Política Partidária pra dentro dos Bumbás, muitos se locupletaram, e foram com o firme o propósito de se projetarem politicamente. Esse ano teremos vários ex-presidentes e Conselheiros Fiscais candidatos à prefeito e vereadores para continuarem a fazer o que fizeram nos Bois.

 

Campanhas caríssimas, milionárias, Presidentes e Conselheiros Fiscais sem salários (a CF/88 proíbe salários a diretores de Associações, Sindicatos, etc, que não tem fins lucrativos), sócios mercenários que vendem seus votos, Conselheiros Fiscais que aprovam contas fraudulentas, prestações de contas FAKE (quem for a favor permaneçam sentados)...

 

E agora, ninguém gosta mais desse boi do que eu...

O ÍNDIO CHOROU...TODO MUNDO ESTÁ CHORANDO, e os ex-presidentes rindo da nossa cara, sabe por que? Simplesmente porque não vai acontecer nada com eles, porque o Ministério Público foi omissivo, porque muitos sócios e Conselheiros Fiscais foram coniventes com as falcatruas.

 

Senhores presidentes, tenha a honradez, devolvam o Bois às Famílias dos seus verdadeiros donos, Lindolfo Monteverde, Luiz Gonzaga e Roque Cid. Tenham a humildade de pedir perdão às Nações Vermelha e Azul, façam penitências, vocês serão lembrados na história como os exterminados do Festival.

 

Mas existem a fé, a esperança, a criatividade e o parintinense é como a "Fênix" vai ressurgir das cinzas e erguer novamente a bandeira dos Bumbás Caprichoso e Garantido e se encher de orgulho, vamos lá, somos o povo nativo da floresta, somos o touro negro das Américas, somos o povo #FENIX...e vamos ressurgir das cinzas...

 

Nas eleições de 2020, permita-se o direito de se indignar, não vote em quem te traiu...

 

* Advogado trabalhista e servidor público federal

 

Artigo foi publicado pela primeia vez neste domingo, 26 de julho, no Facebook, página pessoal do autor.

Tags:
-->