Prefeitura retoma ações de extensão para avançar na produção rural

Prefeitura retoma ações de extensão para avançar na produção rural Foto: Divulgação/PMP Notícia do dia 29/10/2019

A Prefeitura Municipal de Parintins retomou as atividades de extensão rural aos produtores por meio da Secretaria de Pecuária, Agricultura e Abastecimento (Sempa).

 

A equipe técnica visitou propriedades rurais do Projeto de Assentamento Vila Amazônia nas localidades de Nova Olinda e São José do Laguinho, onde produtores são assistidos pelo município na implantação de sistemas agroflorestais, orientação técnica de compostagem orgânica e cultivo de várias culturas.

 

Orientações sobre os programas do mercado institucional como PNAE, PAA e PREME do governo do Estado também foram repassadas permitindo que mais produtores participem e forneçam produtos a este segmento que é importante para a economia e o setor primário.

 

Foi destaque o trabalho do agricultor Manoel Tenório que tem hoje no PA Vila Amazônia, Nova Olinda, um dos sistemas agroflorestais mais bem trabalhados tecnicamente com produção de goiaba, graviola, cupuaçu e guaraná. Manoel Tenório é fornecedor da merenda escolar dos municípios de Parintins e Juruti, no Pará.

 

No Laguinho, a equipe esteve na propriedade de Vande Tavares, que numa parceria com a Prefeitura de Juruti, por meio da Secretaria de Produção e atuação do secretário Eraldo Albuquerque, desenvolve um projeto piloto de produção de melancia em área de Terra Firme, com resultados satisfatórios. Um acordo de cooperação técnica da Sempa com a Secretaria de Produção de Juruti será formalizado para expandir a técnica de cultivo introduzida na propriedade e melhorar os indicadores de produção na região de Parintins.

 

“Dados que temos hoje da parceria dos produtores parintinenses que fornecem alimentos para o Programa de Alimentação Escolar de Juruti é algo que envolve mais de R$ 240 mil reais com cerca de 30 produtores. Isso reforça mais do que nunca nosso compromisso em atuar e agir em parceria com esses produtores de forma que a gente possa avançar nos números do município de Parintins que ainda estão sendo consolidados para serem divulgados”, informa Edy.

 

Ele acredita que as ações tem que ser mais efetivas em parceria com órgãos de assistência técnica como IDAM e a Embrapa para levar aos agricultores conhecimento e tecnologia que hoje estão disponíveis e avançar no setor primário que tem grande representatividade na economia.

Tags: