PROERD em Parintins abre atividades nas escolas estaduais e municipais

PROERD em Parintins abre atividades nas escolas estaduais e municipais Foto: Divulgação Notícia do dia 17/04/2019

Policiais militares do 11° Batalhão de Polícia Militara (11° BPM) realizaram na sexta-feira passada (12/04), no Auditório do Colégio Batista, localizado no Centro  de Parintins, a aula inaugural do Programa Educacional de Resistência às Drogas (PROERD). O evento sinalizou o início das atividades do programa nas escolas das redes estadual e municipal de ensino, e contou com a participação do prefeito em exercício de Parintins, da Promotora de Justiça, Secretaria da SEMASTH, Coordenadora Regional da SEDUC, Presidente do Conselho Tutelar, Professores, alunos e familiares.

 

Durante a cerimônia, os Instrutores do Proerd apresentaram o novo currículo "Caindo na Real”, que foca na importância da tomada de decisão responsável por parte dos alunos, além da importância da participação da escola e da família.

 

Nesse novo processo de ensino e aprendizagem, bem como o novo currículo para a educação infantil e 3º ano ensino fundamental 1, tem como tema “Protegendo nossas crianças: Ajudando a mantê-las seguras e saudáveis”. O novo documento representa a união de esforços entre Polícia Militar, Entidades Educacionais, Famílias e comunidades através do programa educacional da polícia Militar implementado nas salas de aula, que tem como objetivo desenvolver habilidades para a saúde e segurança pessoal das crianças desde a infância.

 

Ao mesmo tempo, foram apresentados ao público presente, dados estatísticos do atendimento no município de Parintins a partir do ano de 2002, quando o PROERD se inicia em Parintins ao primeiro semestre de 2019, onde já foram contemplados mais de 30 mil crianças e adolescentes nesses 17 anos de atividade do Proerd no município.

 

A coordenadora da Seduc em Parintins, Professora Keyla Regina salientou a importância do Programa e agradeceu a iniciativa da Polícia Militar. "O Proerd aqui, acompanha atentamente, é uma didática fantástica dentro das escolas, dentro da sala de aula", ressaltou a educadora.

Tags: