Serviços Repórter Parintins

Em São Paulo, no em encontro anual do Movimento Brasil, Wilson Lima destaca investimento em segurança de fronteira

Em São Paulo, no em encontro anual do Movimento Brasil, Wilson Lima destaca investimento em segurança de fronteira Fotos: Divulgação Notícia do dia 05/12/2018

O governador eleito Wilson Lima e o vice-governador eleito Carlos Almeida participaram nesta quarta-feira (5), em São Paulo, da reunião anual do Movimento Brasil Competitivo (MBC) que discutiu as melhores práticas na gestão pública. 

 

O evento “Governos Inteligentes para o futuro”, realizado pelo MBC em parceria com a Exame, debateu os desafios que os novos governadores terão pela frente.

 

O governador eleito Wilson Lima participou do primeiro painel de discussão e falou do desafio que é governar o Estado do Amazonas.

 

“Nós vamos iniciar o ano de 2019 com um déficit de 1,5 bilhão o que é muito preocupante”, reafirmou. 

 

Wilson Lima tratou ainda do desenvolvimento do interior do Estado e do investimento em segurança, principalmente na região de fronteira. 

 

Destacou ainda o potencial do Amazonas com a rica biodiversidade e a importância econômica da Zona Franca de Manaus para o país.

 

“É um modelo que tem sido muito atacado, muito afrontado. Precisamos garantir a Zona Franca e ao mesmo tempo desenvolver outras matrizes econômicas como o Turismo, por exemplo, que é uma fonte de riqueza que não degrada o meio ambiente. Mas pra isso a gente precisa ter estrutura”, disse ele. 

 

Os governadores ainda discutiram os desafios da gestão de pessoas no setor público, o processo de modernização tecnológica dentro dos órgãos públicos e a importância de estabelecer parcerias como o setor privado. 

 

Para Wilson Lima essas parcerias podem ampliar a escala de recursos disponíveis e contribuir para melhor eficiência de gestão. 

 

“Existem empresas do Pólo Industrial de Manaus que já fazem parcerias com escolas particulares. Em uma das visitas eu perguntei por que motivo não faziam com as escolas públicas e eles disseram que nunca foram procurados”, lamentou.

 

Durante o encontro foi lançado o observatório de Transformação Digital,   resultado de uma parceria entre sociedade civil, setor empresarial e governo federal para garantir a participação da população  nas políticas públicas que tratam do tema. A ferramenta vai possibilitar o acompanhamento de diversas ações em curso no Brasil. 

 

O encontro reuniu outros quatro governadores eleitos: Rodrigo Rollemberg (DF), Romeu Zema (MG), Eduardo Leite (RS), Renato Casagrande (ES) e o atual governador do Espírito Santo, Paulo Hartung-, além do Secretário de políticas digitais do Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações e do Secretário de Tecnologia da Informação e Comunicação do Ministério do Planejamento, bem como empresários e parlamentares. 

 

Na ocasião, foi apresentado o estudo “Desafios da Gestão Estadual” que será publicado amanhã na Revista Exame. Ele mostra o que as 27 unidades da federação conseguiram — entre altos e baixos — melhorar em dez anos. 

 

O Movimento Brasil Competitivo foi criado em 2001 pelo empresário Jorge Gerdau e atua como mobilizador entre os diferentes setores do país na busca pela excelência em gestão e melhoria da competitividade brasileira.

 

IMG-20181205-WA0111

 

IMG-20181205-WA0112

 

IMG-20181205-WA0113

Serviços Repórter Parintins