Serviços Repórter Parintins

Atirador mata adolescente e fere três pessoas em um bar em Parintins

Atirador mata adolescente e fere três pessoas em um bar em Parintins Foto: Marcondes Maciel Notícia do dia 12/03/2018

Os investigadores da Polícia Civil de Parintins trabalham na coleta de depoimentos e informações para descobrir o autor dos disparos possivelmente de uma espingarda ou arma caseira que matou o menor de idade José Cláudio de Oliveira Brito, 17 anos e deixou duas mulheres e um rapaz feridos, na madrugada de segunda-feira, 12 de março, no Bar e Restaurante Mayara, antigo Bar da Mariona, na ponte do Garantido, na estrada Odovaldo Novo.

 

De acordo com testemunhas, que pediram para não ter os nomes publicados, por volta das 4h de segunda-feira, 12 de março, um grupo de pessoas se divertia consumindo bebida alcoólica no local do crime, que funciona como casa noturna, quando um homem até então desconhecido surgiu por detrás do bar e efetuou apenas um disparo na direção dos fregueses.

 

Segundo o técnico em necropsia do Instituto Médico Legal de Parintins (IML), Benedito Pimentel, o adolescente chegou a ser removido para o hospital regional Jofre Cohen, porém não resistiu e morreu. Benedito explicou que foram feitos os procedimentos de necropsia e constatado que José Cláudio recebeu quatro projéteis nas costas e na cabeça. Os projéteis podem ser de uma espingarda.

 

De acordo com uma das vítimas que conversou com reportagem do Repórter Parintins na saída da emergência do hospital Jofre Cohen, após receber alta médica, a senhora Elinilda Tavares dos Santos, 39 anos, moradora do Beco Ademir Farias, em nenhum momento houve qualquer tipo de confusão ou briga dentro do bar que justificasse o disparo e que foi surpreendida com o ataque.

 

“Só ouvi o barulho, igual um foguete e só não vi quem atirou. Eu e umas colegas fomos ao banheiro e quando estávamos voltando foi quando tudo aconteceu”, disse a vítima, relatando que por pouco não morre também, uma vez que recebeu dois projéteis, sendo um de raspão na testa e outro no braço direito.

 

Dona Elinilda Tavares dos Santos confirmou que a outra mulher, que também foi atingida pelo disparo, recebeu cinco projéteis nas costas, assim como um rapaz que recebeu três projéteis, sendo dois no braço direito e um nas costas. Todos os três estão fora de perigo e não correm risco de morte.

 

Na delegacia de Polícia Civil a reportagem foi informada que o ex-presidiário conhecido como Patrick se apresentou espontaneamente na manhã de segunda-feira, 12. Patrick teria dito aos policiais que ficou sabendo que seu nome estava sendo indicado como o autor do disparo, em um boato que havia se espelhado na cidade.

 

Segundo informações coletadas, Patrick resolveu se apresentar para dizer que não tem nada haver com o crime e se colocou à disposição dos investigadores até que o caso seja solucionado.

 

Até o fechamento desta matéria, a PC estava investigando o caso para se chegar ao autor do disparo. Na porta do IML muitos curiosos e familiares do menor que morreu estavam no aguardo de informações.

 

Marcondes Maciel | Repórter Parintins

Serviços Repórter Parintins