Seas encerra Oficina do Suas com resultados positivos

Esta foi a primeira oficina do DGSUAS com esse foco em 2019 e tem como objetivo tratar a operacionalização da gestão do Suas

Seas encerra Oficina do Suas com resultados positivos Foto: Jander Souza/SEAS Notícia do dia 11/10/2019

A Secretaria de Estado da Assistência Social (Seas) realizou, durante três dias, a “Oficina Gestão do Suas: Do conceito à prática”. As oficinas tiveram o objetivo de facilitar a operacionalização do Sistema Único de Assistência Social (Suas) e o resultado, de acordo com os participantes, foi enriquecedor. O evento contou com a participação de 51 pessoas, entre gestores e técnicos de Manaus e dos municípios do interior, no período de quarta (09/10) a sexta-feira (11/10), na sede da Seas.

 

A diretora do Departamento de Gestão do SUAS (DGSuas) Paula Siqueira, afirma que, pela fala dos técnicos, foi possível perceber que as atividades tiveram um caráter inovador. “Os técnicos dos municípios puderam vivenciar na prática a construção de diagnóstico, de dados, e compreenderam a importância das áreas essenciais da política de assistência”, assinalou.

 

A diretora observa que o ganho das oficinas será percebido diretamente na prática do trabalhador do Suas. “Essas ações foram pensadas para auxiliar aquele trabalhador do Suas, que todo dia faz o acompanhamento das situações, que encaminha e sistematiza informações. Ao participar dessas oficinas, os profissionais desses municípios poderão dar um retorno imediato para o Estado e de forma qualificada”.

 

Melhoria do atendimento no interior - Para Regiane Moreira Félix, técnica do município de Canutama, a experiência foi muito boa porque uma vez adquirido, esse conhecimento poderá aplicado na rotina dos profissionais “Tudo o que aprendemos aqui vai ser de grande serventia para a gente melhorar os nossos atendimentos, nossos serviços no município, priorizando o usuário do SUAS”, acrescentou.

 

Esta foi a primeira oficina do DGSUAS com esse foco em 2019 e tem como objetivo tratar a operacionalização da gestão do Suas. Para Jovelina de Souza Cardoso, que coordena a gestão do trabalho no município de Parintins, as oficinas foram uma oportunidade de ampliar a compreensão sobre a vigilância socioassistencial. “Todos nós somos vigilantes, não só o profissional que está responsável por essa área, mas todos os funcionários que trabalham com dados nos setores”.

 

Objetivos

A vigilância socioassistencial tem por objetivo produzir, sistematizar, analisar e disseminar informações sobre situações de vulnerabilidade e risco que incidem sobre famílias e indivíduos, violação de direitos, qualidade dos serviços oferecidos pela rede socioassistencial, entre outras informações. Esta área é dedicada a apoiar o planejamento, a supervisão e a execução dos serviços socioassistenciais por meio de de dados, indicadores e análises.

 

A partir desse processo realizado nos municípios é que o Estado pode produzir ações de assistência social que atendam as demandas de indivíduos e famílias em situação de vulnerabilidade social.

 

Tags: