Bancários no Pará aprovam adesão à Greve Geral do dia 14

Bancários no Pará aprovam adesão à Greve Geral do dia 14 Foto: Bancáriospa Notícia do dia 05/06/2019

A categoria bancária paraense cruzará os braços no próximo dia 14 de junho em defesa da aposentadoria e contra a reforma da previdência do governo Bolsonaro. Essa foi a decisão unânime da assembleia realizada na noite de terça-feira (4), na sede do Sindicato dos Bancários do Pará, em Belém.

 

Também foi aprovado que no dia 13, véspera da paralisação, os bancários e bancárias farão uma reunião no Sindicato para organização do movimento paredista na região metropolitana. O mesmo deverá ocorrer nas subsedes bancárias de Santarém e Marabá.

 

“No dia 14 de junho todas as agências de bancos públicos e privados, em todo o estado do Pará, estarão fechadas. Nossa categoria decidiu, de forma soberana e unânime, aderir à greve geral convocada pela CUT e todas as demais centrais sindicais, como estratégia de luta da classe trabalhadora para derrotar o projeto de reforma da previdência do governo Bolsonaro e defender o direito à aposentadoria, à previdência pública e a um sistema de seguridade social justo, solidário e sustentável. Portanto, reforçamos o chamado aos bancários e bancárias para fortalecer esse movimento em todas as regiões do nosso estado”, destaca o presidente do Sindicato dos Bancários do Pará, Gilmar Santos.

 

Com informações do site Bancáriospa.org.br

Tags: